segunda-feira, 10 de outubro de 2011

CONFLITOS

“Isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não lhes imputando os seus pecados; e pôs em nós a palavra da reconciliação.” 2Co 5:19

Introdução: Palavra no Latim = "Colisão"; Isso me faz lembrar-me de alguns assuntos concernentes ao tema: Colisão de pensamentos, colisão de Igrejas, colisão em família, colisão entre países, enfim, uma diversidade muito grande de conflitos.
Vamos pensar em um conflito interno neste momento. Quais das opções você escolhe?


Uma caixa embrulhada com muito carinho e um lindo papel ou uma caixa embrulhada de qualquer jeito e com um jornal velho?

Muitas vezes escolho o embrulho bonito e o que tem internamente não é bem o que eu esperava. E muitas vezes o que tem dentro de um “pacote” feio é algo que eu espero muito! Esse é um conflito interno.

Acróstico: Como ter um conflito.

Cólera = “Violenta irritação contra o que nos contraria.”
Orgulho = “Manifestação do alto apreço ou conceito em que alguém se tem.”
Litígio = "Contenda; disputa; altercação."
Inveja = “Desejo de possuir o que outro tem (acompanhado de ódio pelo possuidor).”
Saturar - "Encher-se; satisfazer-se; estar farto e cansado de"
Angústia = “Grande aflição acompanhada de opressão e tristeza.”
Obcecação = "teimosia num erro."

Em 1Sm17.32 mostra um conflito que havia dentro de dois homens: Saul e Davi. Os filisteus queriam guerrear contra os Israelitas e o rei Saul estava desfalecendo, caracterizando assim um conflito interno, onde sua razão estava perdendo para as ameaças externas. Porém um menino confiou em Deus e fez com que seu conflito interno fosse bem sucedido, pois as ameaças externas não faziam diferença.

Quando busco um ponto em comum, não quer dizer que faço as mesmas coisas, mas quer dizer que devo ter empatia para com o meu próximo. Deus se fez homem para buscar um ponto em comum e nos mostrar que podemos vencer.
 

Após este vídeo, quero trazer alguns pontos de conflito:
1° A armadura de outro não serve para mim. 1Sm17.38-39
2º Devo usar as ferramentas que estou acostumado. 1Sm17.40
3º O inimigo nunca vem desarmado e só. 1Sm17.41
4º Sou desprezado por ser servo de Deus (o servo de Deus é formoso). 1Sm17.42-44
5º Meu “Golias” afronta ao meu Deus e não a mim. 1Sm17.45
6º Quando confio em Deus, Ele me faz vitorioso em meus conflitos. 1Sm17.46-51
7º Quando venço meu conflito, me fortaleço e os inimigos fogem de mim. 1Sm17.51b

Solução de conflito = Buscar um ponto comum entre as partes

Acróstico: Como Administrar um conflito.

Compreensão = “Faculdade (capacidade) de compreender.”
Oportunidade = “Ocasião, altura, ensejo, conveniência.”
Liberdade = “Direito de proceder conforme nos pareça, contanto que esse direito não vá contra o direito de outrem.”
Igualitarismo = “Sistema de igualdade social.”
Sentimento = “Faculdade de compreender; intuição; percepção.”
Amadurecimento = “Maturação - Pensar muito antes de se decidir.”
Otimismo = “Confiança no porvir.”

Conclusão: O mundo vive em conflitos desde que o pecado entrou no mundo, através de Adão. Quem não viu o que aconteceu na semana passada numa agência bancária? Pessoas se matando por nada, por coisas fúteis. Nenhuma desculpa pode trazer a vida de alguém. Crentes estão se matando (espiritualmente) 1Jo3.15 “Qualquer que odeia a seu irmão é homicida. E vós sabeis que nenhum homicida tem a vida eterna permanecendo nele.”
Deus é a solução para o conflito. Devo pedir para Deus me ajudar a administrar meus conflitos. Conflitos são inevitáveis, porém com o desejo de uma das partes, os conflitos podem ser amenizados, controlados e administrados.
Estamos em conflito com Deus o tempo todo, mas Ele enviou Seu Filho Jesus para que através do ministério da reconciliação (a morte de Cristo por nós), o homem possa não mais viver em conflito com Ele.

2Co 5:19“Isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não lhes imputando os seus pecados; e pôs em nós a palavra da reconciliação.”

Ricardo Hilário

Nenhum comentário:

Postar um comentário